Falando de Arquitetura 2

A cidade de Vila do Conde está invariavelmente associada ao Turismo.

 

Vilacondense A0100026

 

Em primeiro lugar porque tem uma extensa frente marítima e como tal possui algumas das mais bonitas praias do Norte do país. Especialmente nos últimos anos, a autarquia, em parceria com as entidades governamentais, tem realizado diversas obras de requalificação e valorização de grande parte da Orla costeira, para não dizer toda. Exemplo disto é a frente urbana, reformulada ao abrigo do programa Polis, mas registamos também obras na Areia, em Mindelo ou Vila Chã, bem como as que estão a ser realizadas em Labruge.

 

Em segundo lugar pela recuperação cuidada do património construído que, ao contrário de alguns concelhos vizinhos, optou por manter o traçado original dos seus edifícios e permitir capacidades construtivas relativamente baixas em zonas novas e de fronteira com o edificado existente.

 

A recuperação dos edifícios mais marcantes e convertidos em museus, teatro, centro de juventude ou em espaços interpretativos pela autarquia acrescentam valor a toda uma malha urbana.

 

Associado a este ponto temos o terceiro, que diz respeito ao espaço público e que preenche o espaço entre os edifícios. Pode parecer secundário, mas esta preocupação pelo que não é de ninguém, mas é de todos, faz com que a cidade ou o concelho sejam vividos. As pessoas sentem que a cidade é delas e não estão confinadas ao seu apartamento ou moradia.

 

Desta forma e apesar de estarmos perante uma fórmula muitas vezes criticada e incompreendida temos hoje uma cidade que apetece visitar e descobrir.

 

É neste contexto, breve, que ultimamente tenho lido as notícias de que Vila do Conde vai ter duas novas unidades hoteleiras, privadas ou de investimento privado. Mais um sinal de que o concelho tem realmente muito para oferecer e que há interesse em investir na área do turismo. Actualmente existem cerca de uma vintena de espaços para alojamento.

 

A primeira a vir à praça pública é a reconversão do "Palácio Hotel" ou "Palace Hotel" situado bem no centro da cidade.

 

O edifício original, foi inaugurado em Julho de 1920, dispondo de 60 quartos, com capacidade para 200 hóspedes. Segundo escritos da época, foi necessário o trabalho de cerca de 700 homens durante sete meses para construir o Hotel.

 

Projeto de recuperação do Palácio Hotel

 

Posteriormente e após obras de beneficiação, foi reactivado em Maio de 1960, com o aspecto muito próximo ao que conhecemos hoje. Essas obras eliminaram as varandas e os azulejos exteriores, passando o edifício a ser caracterizado pelas suas linhas rectas, estilo muito próprio da época.

 

Em 1969, por falta de gerente, encerrou provisoriamente. Voltou a ser reactivado com a vinda dos "retornados" das ex-colónias, em 1974, subsidiados pelo Instituto de Apoio aos Retornados Nacionais. Posteriormente, nunca mais abriu as suas portas.

 

Foi vendido, em 1999, à firma "IGF - Investimentos Imobiliários, S.A," e desde essa data já teve vários proprietários e projectos (um do Siza Vieira).

 

A segunda unidade hoteleira, já licenciada, está situada na praia de Labruge e será construída de raiz. O Hotel Talasso Labruge terá 114 quartos e fazendo jus ao seu nome, terá como principal valência um serviço de talassoterapia – tratamentos com água do mar e elementos marinhos.

 

Projeto do Hotel Talasso em Labruge

 

Gonçalo M. Tavares diz que os hotéis são os novos países da actualidade. Sempre que entramos num hotel pedem-nos identificação e assinamos um livro ou cartão de registo. Cada cadeia de hotéis é um país com regras e imagem própria.
Gostava de acreditar, porque foi isso que a comunicação social tentou transmitir com as imagens apresentadas dos projectos, que as duas unidades hoteleiras irão ter um carácter único e diferenciador.

 

Comentários   

#1 BestKatherina 31-10-2018 17:33
I see you don't monetize your website, don't waste your
traffic, you can earn additional bucks every month.
You can use the best adsense alternative for any type of website (they approve all websites),
for more details simply search in gooogle: boorfe's
tips monetize your website
Citar

Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Código de segurança
Atualizar

 
 
 
 

 

 

  por
sem foto h colaborador q

 

 

 
 

  Arquiteto

 
email

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 
 
 
 
 
 
 

 

 
 

 
 

 

 

CMVC2 t

 

 

@ Copyright
Arquivo Municipal VC

 

 

 
 
 
 

 

 

 
  Galerias relacionadas

vc antiga

Imagens de Outros Tempos

Vila do Conde Antiga

 
palacio hotel

Imagens de Outros Tempos

Palácio Hotel (Palace Hotel)

 

 

 

 
 

Últimos Artigos

Ser Diferente, Ser Especial, Simplesmente Ser!

Atualmente a sociedade vive mudanças profundas, o paradigma social que conhecemos desde o 25 de Abril está a ser reequacionado e os que mais perdem são os mais vulneráveis.

Ler mais

Fotoenvelhecimento - Sol na medida certa

O processo de envelhecimento da pele é um processo normal que resulta do tempo e da genética individual (envelhecimento intrínseco), o qual não pode ser impedido.

Ler mais

Bronzeamento da pele - Sol na medida certa

A cor da pele deve-se a vários fatores que atuam em conjunto, nomeadamente a quantidade de pigmentos presentes, a quantidade de sangue circulante e a espessura da pele.

Ler mais

Radiação UV: benéfica ou prejudicial? - Sol na medida certa

A radiação UV pode ser dividida em três tipos: UV-A, UV-B e UV-C.

Ler mais

Enfermagem: Cuidar Pessoas e/ou Cuidar Números?

Os cuidados de enfermagem têm sido, na saúde e na doença, considerados os mais relevantes e imprescindíveis no seio do cuidar humano. Essa valoração é evidenciada pelo Cidadão nos inquéritos realizados e pelas entidades empregadoras, públicas e privadas, no número de admissões de recursos de enfermagem, pese embora esse número estar aquém do necessário.

Ler mais

Falando de Arquitetura 2

A cidade de Vila do Conde está invariavelmente associada ao Turismo.

Ler mais
IMANcowork
Grupo Lexart