Radiação UV: benéfica ou prejudicial? - Sol na medida certa

A radiação UV pode ser dividida em três tipos: UV-A, UV-B e UV-C.

 

Os raios UV-A penetram nas camadas mais profundas da pele, geralmente não produzem queimadura solar, estando envolvidos na pigmentação direta, responsável pelo bronzeamento imediato e de curta duração, ou seja, ocorre em poucos segundos após exposição solar e desaparece após 2 horas. Simultaneamente danificam o tecido conjuntivo, nomeadamente as fibras de colagénio, levando a que a pele perca o seu tónus, gerando assim um envelhecimento prematuro - fotoenvelhecimento. Estudos científicos recentes revelaram que uma exposição intensa a este tipo de radiação promove o surgimento de cancro da pele.

 

Os raios UV-B penetram nas camadas superficiais da pele, sendo responsáveis pelo bronzeamento indireto ou pigmentação tardia e de longa duração, ou seja, ocorre 72 horas após exposição e pode durar dias ou mesmo semanas. Provocam a queimadura solar (eritema) com pico máximo 8-24 horas após exposição, manchas escuras na pele, espessamento da pele e síntese de vitamina D. Se a quantidade deste tipo de radiação for elevada, a pele reage tornando-se vermelha resultando numa queimadura solar, que é tanto maior quanto maior o tempo de exposição solar. A queimadura solar é um sinal de alarme grave dado pelas células da pele. Agora, o nosso organismo tentará reparar estes danos. Contudo, quantas mais vezes e mais intensamente a pele é exposta ao sol, mais graves são os danos e o risco de os processos de reparação falharem aumenta. A longo prazo, pode levar a alterações do material genético das células, lesões crónicas da pele, às fases preliminares de um cancro em geral, bem como do cancro de pele.

 

Os raios UV-C são considerados os mais perigosos, mas felizmente são absorvidos pela camada de ozono na estratosfera, não atingindo a superfície terrestre, não provocando por isso, efeitos adversos na saúde.

 

A intensidade da radiação solar que atinge a pele pode ser influenciada por diversos fatores, tais como: altitude, latitude, hora do dia, estações do ano, condições atmosféricas (nuvens e poluição atmosférica), reflexão produzida pelos solos, camada de ozono e pelos vidros.

 

 radiacao uv

Representação da radiação UV e o seu alcance na pele

 

Em pequenas quantidades a radiação UV pode apresentar alguns benefícios. É responsável por estimular a síntese de vitamina D pelo corpo, especialmente a UV-B, essencial para a absorção de cálcio e, consequentemente, manutenção dos ossos e dentes. É assim essencial para auxiliar na prevenção do raquitismo em bebés e crianças e diminuir efeitos da osteoporose nos adultos. Apesar disso, a Academia Americana de Dermatologia afirma que a deficiência nesta vitamina que alguns indivíduos possam apresentar, levando à administração posterior de suplementos de vitamina D, pode dever-se, em parte, ao uso contínuo de protetores solares. No entanto, esta afirmação tem gerado controvérsias, uma vez que a vitamina D pode ser encontrada em determinados alimentos. Atua como "antidepressivo", onde pequenas doses de uma leve exposição solar, o que leva à produção de serotonina, substância produzida pelo nosso corpo que nos proporciona prazer e bem-estar. Autores afirmam que ajuda a combater casos de depressão sazonal. São usados para tratamentos (fototerapia) de determinadas doenças da pele, incluindo psoríase extensa ou refractárias, vitiligo extenso, icterícia fisiológia, acne inflamatório na criança e adolescente (poder germicida), eczema atópico, micose fúngicas, alopécia areata e alergias solares. Contudo, não é possível separar os benefícios da luz solar dos seus efeitos nefastos, logo é importante compreender quais os riscos de uma superexposição e tomar simples medidas para a proteção.

 

 
 

 

 

woman.silhouette

 

 

Por
Dr. Rita Guimarães Gomes

 

 

 
 
 
 

 

Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Código de segurança
Atualizar

 
 

Últimos Artigos

Ser Diferente, Ser Especial, Simplesmente Ser!

Atualmente a sociedade vive mudanças profundas, o paradigma social que conhecemos desde o 25 de Abril está a ser reequacionado e os que mais perdem são os mais vulneráveis.

Ler mais

Fotoenvelhecimento - Sol na medida certa

O processo de envelhecimento da pele é um processo normal que resulta do tempo e da genética individual (envelhecimento intrínseco), o qual não pode ser impedido.

Ler mais

Bronzeamento da pele - Sol na medida certa

A cor da pele deve-se a vários fatores que atuam em conjunto, nomeadamente a quantidade de pigmentos presentes, a quantidade de sangue circulante e a espessura da pele.

Ler mais

Radiação UV: benéfica ou prejudicial? - Sol na medida certa

A radiação UV pode ser dividida em três tipos: UV-A, UV-B e UV-C.

Ler mais

Enfermagem: Cuidar Pessoas e/ou Cuidar Números?

Os cuidados de enfermagem têm sido, na saúde e na doença, considerados os mais relevantes e imprescindíveis no seio do cuidar humano. Essa valoração é evidenciada pelo Cidadão nos inquéritos realizados e pelas entidades empregadoras, públicas e privadas, no número de admissões de recursos de enfermagem, pese embora esse número estar aquém do necessário.

Ler mais

Falando de Arquitetura 2

A cidade de Vila do Conde está invariavelmente associada ao Turismo.

Ler mais
IMANcowork
Grupo Lexart